05/03/2012 11h28 – Atualizado em 05/03/2012 11h28

Já tem pretensos candidatos a vereança fazendo as contas dos custos de uma campanha política

O resultado não está sendo animadores para alguns pré-candidatos que já pensam em desistir da empreitada

Ricardo Ojeda – Caldeirão do Bolsão

AGENDA CHEIA

A agenda do deputado Eduardo Rocha é como se ele ainda estivesse em campanha política. Cheia de compromissos em vários municípios, o parlamentar está se dividindo em dois para dar conta do recado. Ainda bem que tem uma assessoria eficiente.

MAS BAH, TCHÊ!

Acontece em Três Lagoas um curso de Dança Gaúcha. O evento será coordenado pelo vivente, Juvelino Oliveira da Silva, nos dias 06 e 07 de março. Maiores informações pelo e-mail: [email protected]

REVIRAVOLTA

Tudo indica que uma reviravolta política pode acontecer em Bataguassu. O barulho será tão intenso que poderá estremecer os alicerces da base de sustentação do prefeito João Carlos Lemes. Pelo sim, pelo não, já tem gente com as barbas de molho.

RENDENDO COMENTÁRIOS

Falando em Bataguassu, o acidente no curtume do frigorífico Marfrig ainda rende comentários, principalmente dos parentes das vitimas que morreram em decorrência da falta de equipamentos adequados.

NÃO TEM PREÇO

Morreram quatros trabalhadores, mais de vinte foram hospitalizados e os sobreviventes podem ficar com sequelas para o resto da vida. Enquanto o saldo da fatalidade é extenso, a multa aplicada pelas autoridades é de R$ 1 milhão. Afinal, quanto vale uma vida?

PROVIDÊNCIAS TARDIA

Segundo o comentário enviado pela leitora Regiane da Silva Melo. “Só agora, depois que tudo que aconteceu, – morreram quatro pessoas – é que a empresa está dando cursos, palestra e providenciando a regularização do curtume”.

PREPARADOS

A leitora reiterou que se esses procedimentos fossem tomados antes, na hora que aconteceu o vazamento eles saberiam o que fazer numa situação de emergência. “Se estivesse tudo certinho, os trabalhadores seguiriam as instruções, usando roupas e acessórios adequados”.

DESPREPARO

Outro comentário ainda mais contundente foi enviado por Francielen Rocha, esposa de Marcos Vinícius da Silva Melo, uma das vítimas que morreram no local. “Nossa o pessoal do Marfrig ainda tem a coragem de dizer que eles usavam material de segurança. Eu sou esposa do Marcus Vinicius da Silva Melo estou grávida de 8 meses e se o meu filho não vai conhecer o pai a culpa é do Marfrig. Sim, nós da família sabíamos como ele trabalhava, mas infelizmente não sabíamos dos riscos mais ele sempre me dizia, da forma que trabalhava não tinha máscaras, nem luvas. As roupas não eram adequadas cheguei a ver fotos de lá no telefone dele até da máquina em que ele trabalhava”.

DIREITO DE RESPOSTA

Com a palavra a direção do Frigorífico Marfrig, que ocupa liderança global em carne processada.

INOVANDO

Em breve, muito em breve as viaturas do 2º BPM de Três Lagoas estarão equipadas com aparelhos tablets de última geração. Depois de instalados, os policiais poderão checar a ficha das pessoas durante a abordagem em tempo real. Além disso, na central de monitoramento da PM, o plantão poderá acompanhar o deslocamento das viaturas pela cidade através de um grande telão.

PROJETO PILOTO

O projeto que está sendo desenvolvido sobre a batuta do Major Monari é experimental, e conta com apoio da Sitrel e Votorantim. Caso for aprovado, a chefia do Estado Maior pretende implantar nas demais unidades da PM.

APAGÕES E PROVIDÊNCIAS

Comentário enviado pelo leitor Ronni Rostter: Quero aproveitar o espaço e cobrar das nossas autoridades e da Elektro, providências quanto aos apagões que ocorrem diariamente em meu bairro. Moro no Jardim dos Ipês e diariamente a energia acaba e pode ficar de 05 minutos a algumas horas sem energia. Pelo que diz a lei essas interrupções devem ser reembolsadas aos consumidores. O problema fica mais estranho por que as quedas ocorrem mesmo com um sol de 37 graus. Espero resposta e providências de nossos vereadores, até por que, essas interrupções ocorrem em vários pontos da Cidade. Tá faltando investimento? Como ficamos?

PALANQUE

Leitor assíduo, o promotor de Meio Ambiente, Antonio Carlos Garcia de Oliveira postou sua opinião: “A coluna é um verdadeiro palanque para a opinião pública, por isso tanto sucesso. Parabéns pelo retorno aos velhos e novos temas.”

PARA REFLETIR

“É triste falhar na vida, porém mais triste ainda é não tentar vencer.” (Franklin Delano Roosevelt)

Comentários