08/04/2014 10h49 – Atualizado em 08/04/2014 10h49

Últimos preparativos estão sendo executados para o Brasileiro de Motocross, neste fim de semana

Larissa Lima

Os amantes da velocidade já podem preparar o coração para o fim de semana de emoções em Três Lagoas. A equipe da Confederação Brasileira de Motocross chegou à cidade ontem (7) e já deu inicio aos preparativos finais para a abertura da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross, que acontece neste sábado e domingo (12 e 13), no Arena Mix.

O espaço que já começou a ser decorado com faixas dos patrocinadores, receberá na sexta-feira (11), a visita técnica de todas as categorias, já no sábado, a visita técnica será feita por representantes da Honda, Yamaha, Petrobras, Lubrax, Rinaldi e IMS Race Wear, patrocinadores do evento, que devem averiguar o cumprimento das normas contratuais de publicidade. A iniciativa conta com o apoio local da Prefeitura e Câmara Municipal de Três Lagoas, Perfil News e Rotary.

O evento é promovido pelo jornalista Ricardo Ojeda, juntamente com o promotor de justiça Antônio Carlos Garcia de Oliveira, com realização da Federação de Motociclismo de Mato Grosso do Sul (FEMEMS) e organização da Confederação Brasileira de Motociclismo.

A partir das 8h10 do sábado (12), o ronco dos motores já poderá ser ouvido no espaço do Arena Mix, com o inicio dos treinos livres, seguidos pelos treinos cronometrados, que começam às 11h. Já às 15h, a poeira sobe e a emoção toma conta da cidade com o inicio das provas das categorias MX3, Junior e 50cc. A primeira terá 20 min de duração, com mais duas voltas, e as demais, 15 min com mais duas voltas. No domingo (13), as provas serão nas categorias MX1, MX2 e Junior, todas com duração de 30 min mais 2 voltas, com exceção da Junior, 20 min mais duas voltas.

A largada promete ser um dos pontos altos das provas. A pista, de 1.400m, possui a maior reta de largada do país, com 110m. De acordo com o construtor de pista oficial da CBM, Paulo Caramez, a pista do Arena Mix terá características de Supercross, travada, mais rápida e com alguns obstáculos que vão possibilitar a ultrapassagem dos pilotos. Caramez afirma ainda, que o Arena Mix possui características técnicas para sediar uma etapa do mundial. O diretor de motocross da CBM, Roberto Boettcher, afirma a pista terá também bastante areia, o que exigirá mais técnica e preparo físico dos competidores.

Entre os pilotos, a novidade é o suíço Julien Bill, campeão mundial de MX3 em 2011, contratado pela Honda. A equipe conta ainda com o português Paulo Alberto, o goiano Wellington Garcia e o paulista Hector Assunção, de volta a Honda.

Mais um piloto estrangeiro promete agitar o motódromo em Três Lagoas: Carlos Campano, espanhol que compete pela equipe Yamaha na categoria MX1, juntamente com o paranaense Rafael Faria. Já os outros membros da equipe, o paulista Thales Vilardi e o catarinense Anderson Cidade, competem na MX2.

Representando o estado de Mato Grosso do Sul, dois pilotos já estão confirmados. Junior Feitosa, que participou de duas etapas do Brasileiro no ano passado e obteve seu melhor resultado em Foz do Iguaçu – PR, com o quinto lugar, competirá na categoria MX3. Na categoria MX2, quem corre é Pedro Godoy, que participou de oito etapas do Brasileiro no ano passado.

Motódromo do Arena Mix possui a maior reta de largada do país, com 110m (Foto: Arquivo/ Perfil News)

Público esperado para os dois dias de competição é de 20 mil pessoas (Foto: Arquivo/ Perfil News)

Comentários