20/11/2006 15h52 – Atualizado em 20/11/2006 15h52

Agência Senado

Com o falecimento do senador Ramez Tebet (PMDB-MS) no sábado (18), assume uma cadeira no Senado, pelos próximos quatro anos, o primeiro suplente, Valter Pereira de Oliveira. Ex-deputado estadual e federal, o advogado Valter Pereira também integra o PMDB de Mato Grosso do Sul. Valter Pereira nasceu em Campo Grande, em 3 de dezembro de 1943. Advogado, atual secretário do partido no estado, o futuro senador começou sua carreira parlamentar como vereador da Câmara Municipal de Campo Grande, onde exerceu mandato de 1973 a 1975. Em seguida, ocupou uma vaga na Assembléia Legislativa por dois mandatos (1975-1979 e 1983-1987, já com o novo estado) e também na Câmara dos Deputados, em três legislaturas (1979-1983, 1987-1991 e 1991-1995). Como deputado federal, marcou sua atuação em defesa dos trabalhadores na agricultura. É dele, por exemplo, a emenda constitucional que vincula parcela do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (IPTR), pertencente à União, ao fundo destinado à promoção da reforma agrária. Valter Pereira também ocupou a pasta da Secretaria de Educação de Mato Grosso do Sul e presidiu a empresa energética do estado durante o período de privatização do órgão. Casado com Lucimar Pereira, tem dois filhos: o atual prefeito de Terenos (MS), Humberto, e Gustavo. O segundo suplente de Ramez Tebet é Eduardo Otávio Teixeira Marcondes. Segundo informações da Mesa do Senado, a vaga aberta com a morte de Tebet pode ser assumida a qualquer momento, bastando que o suplente se apresente para o cargo.

Comentários