02/01/2013 08h29 – Atualizado em 02/01/2013 08h29

Veja as apreensões da Polícia Militar Ambiental

Rafael Furlan

BATAGUASSU

A Polícia Militar Ambiental realizou um intenso trabalho durante os dias de Natal e Ano Novo. Em Bataguassu, região do bolsão, ela fechou um depósito de empacotamento de cartão, que funcionava sem autorização ambiental. Segundo informações da PMA, “No local havia 8 m³ de carvão nativo, sem autorização ambiental, sendo parte já empacotada em sacas para venda no comércio varejista”.

O Proprietário da empresa foi autuado e multado em R$ 7.400,00 e irá responder por crimes ambientais.

NOVA ANDRADINA

Já a equipe da Polícia Militar Ambiental de Batayporã, em fiscalização no município de Nova Andradina, autuou um fazendeiro por armazenamento ilegal de produtos florestais. Foram encontrados 144 de m³ de madeira sem autorização ambiental. A madeira foi apreendida e também uma motosserra que era utilizada no corte dos produtos florestais. Uma multa administrativa no valor de R$ 43.360,00 foi aplicada e se condenado, o proprietário da fazenda poderá receber pena de seis meses a um ano de detenção.

PEDRO GOMES

Os Policiais Militares de Coxim receberam denúncias de que pessoas praticavam caça semanalmente na região de Pedro Gomes. Após abordagem, próximo a ponte do rio Taquari, os Policiais encontraram armas de caça longas do tipo chumbeira.
Nas proximidades, a PMA também prendeu outro homem de 40 anos, com uma arma calibre 22 e 25 munições. A pena para este crime é de um a três anos de detenção.

O Proprietário da empresa foi autuado e multado em R$ 7.400,00 e irá responder por crimes ambientais.
Foto: Divulgação

Foram encontrados 144 de m³ de madeira sem autorização ambiental.
Foto: Divulgação

Uma arma calibre 22 e 25 munições foram apreendidas
Foto: Divulgação

Comentários