22/05/2015 09h52 – Atualizado em 22/05/2015 09h52

Trabalhadores também receberão benefício por assiduidade

Assessoria

Na noite desta quinta-feira, 21, aconteceu assembleia com os trabalhadores do Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul – CASSEMS, onde foi apresentada a contraproposta feita pelo hospital. Participaram da reunião os funcionários que fazem parte dos Sindicatos dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde – SINEES e do Sindicato dos Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares – SETA.

O hospital propôs um reajuste salarial de 8,12%, vale alimentação de R$ 200,00, plano de saúde para a família sem mensalidade e assiduidade de 5%. “Para nós foi uma conquista, pois a Cassems ainda não tinha assiduidade e hoje conseguimos mostrar a importância de implementar isso e quem ganha é o trabalhador”, finalizou o presidente, João Carvalho.

As conquistas do sindicato em prol da classe são lutas antigas e que estão gerando frutos. “Estamos mostrando que a união faz a força, nossa classe está muito unida num único propósito, o reconhecimento de nosso trabalho. Só temos a ganhar se continuarmos assim”, concluiu Carvalho.

(*) 7even Comunicação

Assembléia Cassems. (Foto: Assessoria)

Comentários