02/05/2016 09h20 – Atualizado em 02/05/2016 09h20

A senadora Simone Tebet (PMDB-MS) disse que os governistas acusam os adversários do que eles têm feito. “Eu fico muito incomodada com a palavra golpe. Não sou golpista. O Supremo já disse que o processo de impeachment é o exercício da democracia”, reagiu. Durante a quarta reunião da Comissão Especial do Impeachment, ocorrida na sexta-feira, ela contestou a alegação de nulidade do processo apresentada pelo Advogado Geral da União, José Eduardo Cardozo.

CONSULTA

Simone Tebet sugeriu que a Mesa da Comissão Especial do Impeachment faça uma consulta ao STF para verificar se o Senado pode ampliar os itens da denúncia na próxima fase do processo, após os parlamentares aprovarem o juízo de admissibilidade. A senadora acredita que durante o julgamento do mérito, os parlamentares deveriam se debruçar também sobre as pedaladas fiscais no contexto de 2013 e 2014, bem como nas denúncias da Lava Jato.

ALIANÇA 1

O deputado estadual Marquinhos Trad (PSD) deu início no sábado a conversações visando à composição de alianças partidárias. Pré-candidato a prefeito de Campo Grande, ele se reuniu com lideranças políticas do PMN em um hotel da Capital, de onde saiu faceiro pela promessa de adesão ao seu projeto.Marquinhos costura acordos visando viabilizar seu nome na disputa pela cadeira do prefeito Alcides Bernal (PP), em campanha pela reeleição. Antes, porém, terá de convencer o irmão, Nelsinho Trad (PTB), a desistir do pleito.

ALIANÇA 2

Por enquanto, a única candidatura certa até agora na Capital é a da vice-governadora Rose Modesto, que na semana passada teve o seu nome confirmado pela cúpula regional do PSDB com apoio do governador Reinaldo Azambuja. Outros nomes também estão sendo lembrados para participar das eleições municipais de outubro. O PMDB do ex-governador André Puccinelli aponta o senador Waldemir Moka e o deputado federal Carlos Marun como opções, mas ninguém descarta a homologação da candidatura do líder maior do partido.

BASES

A presidente municipal do PTB, Liz Derzi Matos, empossou na última sexta-feira (29) membros da ala comunitária do partido (PTB Comunitário), presidida por Mary Deleon. A posse aconteceu na sede do diretório estadual e reuniu dezenas de lideranças de bairro. Liderado pelo ex-prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad, o partido se organiza para as eleições municipais de outubro.

Comentários