17.3 C
Três Lagoas
sábado, 25 de junho, 2022
InícioNotíciasestadoGovernador lamenta morte da cantora Delinha, ícone da música sul-mato-grossense

Governador lamenta morte da cantora Delinha, ícone da música sul-mato-grossense

Faleceu nesta quinta-feira (16), aos 85 anos, Delanira Pereira Gonçalves, a cantora Delinha, ícone da música regional sul-mato-grossense. O Governo de Mato Grosso do Sul lamenta com pesar seu falecimento e se solidariza com seus familiares.

Em Chapadão do Sul para entrega e lançamentos de obras, o governador Reinaldo Azambuja lamentou a morte da cantora Delinha, a “Dama do Rasqueado”, como era conhecida.

“Com muito pesar, lamentamos a perda da nossa Delinha, ícone da música sul-mato-grossense. O que fica é seu legado cultural marcado na história do Mato Grosso do Sul. Que sua família seja confortada pelo grande sucesso de suas músicas que embalaram nossa população por décadas”, afirmou.

O governador decretou luto oficial de três dias, que será publicado em edição extra do Diário Oficial do Estado (DOE-MS) nesta quinta-feira (16).

Trajetória

‘Dama do Rasqueado’, Delinha deixa importante legado na cultura do Estado, onde trilhou pelos palcos com sua voz inconfundível e a simplicidade que marcou toda a sua vida. Fez dupla com Délio – “o Casal de Onças de Mato Grosso” -, com quem se casou, por mais de 50 anos.

Delinha nasceu em Vista Alegre, distrito de Maracaju, em 1936, e dedicou-se à música desde criança por oito décadas, deixando uma das maiores discografias da história do Estado.

Governo de Mato Grosso do Sul

Tocador de vídeo

Comentários
MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Este Conteúdo é protegido! O Perfil News reserva-se ao direito de proteger o seu conteúdo contra cópia e plágio.