06/04/2015 10h55 – Atualizado em 06/04/2015 10h55

Projeto visa promover a melhoria das condições de vida, trabalho, renda dos catadores de Campo Grande, Corumbá, Dourados, Ponta Porã e Três Lagoas

Da Redação

O governador Reinaldo Azambuja realiza na tarde desta segunda-feira (6) o lançamento do “Projeto MS Sustentável – Inclusão e Organização Social dos Catadores e Catadoras de Materiais Recicláveis”, na Escola Estadual Thereza Noronha de Carvalho, no Parque Lageado, na Capital.

O “MS Sustentável” beneficia os catadores de materiais recicláveis e reutilizáveis não organizados, principalmente os que atuam em lixões e nas ruas e visa promover a melhoria das condições de vida, trabalho, renda e acesso aos serviços públicos, através da organização e inclusão socioprodutiva e fomento aos empreendimentos econômicos solidários e redes de cooperação atuantes com resíduos sólidos de catadores de materiais recicláveis e reutilizáveis.

O projeto foi elaborado pela Fundação do Trabalho de Mato Grosso do Sul (Funtrab), por meio da Coordenadoria de Trabalho e Economia Solidária, em atenção ao Termo de Referência de Parceria com Governos Estaduais da Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes) e Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), intitulado “Fomento a Empreendimentos Econômicos Solidários e Redes de Cooperação atuantes com Resíduos Sólidos constituídos por Catadores e Catadoras de Materiais Reutilizáveis e Recicláveis”(maio/2013). Os municípios abrangidos são: Campo Grande, Corumbá, Dourados, Ponta Porã e Três Lagoas.

Também atuam no Projeto: Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE/MS); Instituto de Meio Ambiente do Mato Grosso do Sul(Imasul); Fórum Estadual de Economia Solidária de Mato Grosso do Sul(FEES/MS); Fórum Municipal Lixo e Cidadania e Movimento Nacional de Catadores e Catadoras de Materiais Recicláveis(MNCR)/ Rede de Cooperativa no Mato Grosso do Sul.

RECURSOS FINANCEIROS

Para execução das ações, o MTE, por meio da Senaes, financiou R$ 5 milhões e de contrapartida, o Governo do Estado/ Funtrab, concedeu R$ 263 mil. O MS Sustentável será executado até o mês de dezembro de 2016 e propõe as seguintes ações: Mobilização, sensibilização e realização de diagnóstico socioeconômico e ambiental, para identificação da realidade dos catadores de materiais recicláveis organizados e não organizados; realização de capacitação e assessoria técnica para os(as) catadores(as) de materiais reutilizáveis e recicláveis de, objetivando a organização e formalização social; e aquisição de equipamentos e materiais, tais como: caminhões, balanças, empilhadeiras, esteiras para triagem, mesas para triagens, prensas, máquinas de triturar vidros/plástico e papel, carros tipo plataforma, computadores, micro-ônibus, equipamentos de proteção individual entre outros, que contribuirão com o processo de coleta, separação e comercialização de resíduos/materiais coletados.

*Assessoria de Comunicação Funtrab

Governador Reinaldo Azambuja lança projeto que beneficia catadores de reciclagem. (Foto:Divulgação/Assessoria de Governo)

Comentários