18/04/2015 10h10 – Atualizado em 18/04/2015 10h10

Segundo o Palácio do Planalto, o Plano Nacional de Exportação tem como meta atingir cerca de 30 países considerados “estratégicos” para as exportações brasileiras

Da redação

O governo federal deverá anunciar, nos próximos dias, o Plano Nacional de Exportação. De acordo com o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro, o plano reunirá um conjunto de medidas para estimular e desburocratizar as exportações do País.

“A presidenta reafirmou seu compromisso de conferir um novo status a esta área do comércio exterior e anunciou o compromisso do governo com a apresentação do Plano Nacional de Exportações”, explicou o ministro.

Além disso, Monteiro esclareceu que ao menos 80% dos setores de exportação brasileiros foram consultados para a formulação do plano.

“As premissas desse plano foram validadas com forte representação do setor privado, que, evidentemente, é quem exporta no País”, disse Monteiro.

“Essa interlocução com o setor privado é fundamental para o êxito do programa e, sobretudo, para esse objetivo estratégico de fortalecer a inserção internacional do Brasil”, completou o ministro.

(*) Conjuntura Online

O plano reunirá um conjunto de medidas para estimular e desburocratizar as exportações do País. (Foto: Divulgação)

Comentários