21/11/2018 08h43

No âmbito estadual o atual presidente, Mansour Karmouche, conseguiu a reeleição com diferença histórica de votos

Gisele Berto

Por 216 a 131 votos o advogado Gustavo Gottardi, da chapa 1, venceu a eleição da Subsecção da OAB da Comarca de Três Lagoas e vai comandar a entidade no próximo triênio. Gottardi teve o apoio do atual presidente da entidade, Antonio Costa Corcioli.

Enquanto a chapa de Gottardi se pautou pela defesa da pluralidade dos advogados, a adversária, advogada Simone Siqueira, concorrente da chapa 2, fez uma campanha prometendo mudanças e renovação na atuação da entidade.

A Subseção da OAB Três Lagoas engloba, além da cidade-sede, as vizinhas Brasilândia e Selvíria. São cerca de 750 advogados, dos quais apenas 440 estavam aptos a votar.

A candidata adversária a Gottardi, Simone Siqueira, deseja sucesso ao novo presidente da Ordem local e afirma que o trabalho continua. Para ela é essencial o trabalho de agregar advogados e acadêmicos com objetivo de identificar e estimular novos líderes. “A advocacia precisa estar fortalecida e independente para cumprir seu papel de guardiã da cidadania”. Siqueira afirmou que identificou “muitos colegas com desejo de mudança e querendo contribuir” e quem por isso, não vão se dispersar, apesar da derrota nas urnas.

“Vamos nos fortalecer. As ações positivas, em prol da nossa classe contarão sempre com nosso apoio, na mesma medida em que a fiscalização será uma constante para que possamos identificar e sugerir alterações na gestão da Ordem. Essa é a verdadeira política. Não há nós e eles. Sucesso aos dirigentes eleitos, podem contar com nosso apoio e força de trabalho”, afirmou.

A candidata a vice-presidência na chapa 2, Inês Consuelo Martins, considera que, apesar da derrota nas urnas, a “semente foi lançada”. “Nós, advogados do interior, sempre somos esquecidos pela Seccional e só lembrados em época de eleição para colocar o poder nas mãos dos mesmos. Quiçá se este triênio o Presidente eleito consiga fazer diferente para Três Lagoas, Brasilândia e Selvíria”.

No âmbito estadual também venceu a situação: Mansour Karmouche foi reeleito para mais três anos à frente da OAB-MS.

Mansour conseguiu a reeleição com a maior diferença de votos da história na eleição da Ordem: mais de 1,5 mil votos o separaram do segundo colocado, Jully Heyder da Cunha.

Advogado Gustavo Gottardi comandará a OAB Subseção Três Lagoas pelos próximos três anos. Foto: Reprodução.

Comentários