30/07/2017 08h20

Meia acredita que vitória sobre o Botafogo dá força necessária para seguir forte na luta contra o rebaixamento e afirma que não está em fim de carreira: “Digo em alto e bom som”.

Da redação

Hernanes foi um dos principais personagens da vitória do São Paulo sobre o Botafogo. O Profeta foi apresentado na terça-feira, realizou quatro treinos e mostrou ao técnico Dorival Júnior que estava pronto para reestrear. Autor de um gol no triunfo por 4 a 3, o meio-campista projeta que vai crescer nos próximos jogos, à medida que ganhar mais ritmo de jogo e melhorar sua forma física.

Ele deixa claro: sua volta para o Tricolor foi a oportunidade desejada para dar a volta por cima, depois da enorme frustração vivida no futebol chinês. “Eu me sinto em débito comigo mesmo porque ainda não atingi os objetivos que queria. Sem dúvida, havia a desconfiança em relação a mim e ao São Paulo. Quem via minha situação, pensava que estava chegando no final da carreira. E digo em alto e bom som que não é isso que acontece. Estou trabalhando para surpreender a mim a mesmo e àqueles que duvidavam de mim”, falou.

Capitão são-paulino no triunfo obtido no estádio Nilton Santos, o jogador aposta no crescimento do São Paulo. Além da maneira como o time venceu (foi buscar a virada de 4 a 3 perdendo por 3 a 1), Hernanes vê o time se estruturando jogo após jogo.

“Nós pegamos três jogos complicados contra Vasco, Grêmio e Botafogo e conseguimos mostrar poder de reação. Estamos evoluindo dentro do que o Dorival vem pedindo. Do jeito que foi a vitória, o grupo se fortalece para os próximos jogos. Tenho certeza de que na quinta o Morumbi estará lotado novamente. Vamos embalar”, disse.

O São Paulo volta a campo na quinta-feira, como falou Hernanes, para jogar contra o Coritiba, às 19h30, no Morumbi, em partida válida pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

(*) Informações com Globoesporte.com.

Hernanes foi um dos destaques do São Paulo na vitória sobre o Botafogo (Foto: André Durão)

Comentários