20/09/2017 09h55

De acordo com o B.O., o suspeito alegou que depositaria uma quantia de R$ 51 mil, no entanto, ele foi informado pelo banco que o envelope estava vazio

Flávio Veras

Em Três Lagoas, um homem caiu em um golpe após anunciar a venda de seu caminhão em um aplicativo de compra e vendas de usados na internet. De acordo com o Boletim de Ocorrência, o crime de estelionato foi registrado na tarde de ontem (19), pela vítima e contou com o relato de uma testemunha, o motorista responsável por levar o caminhão até o suspeito. No entanto, apesar ter feito a viagem, a testemunha também não recebeu nenhum pagamento pelo serviço.

De acordo com a vítima, ele anunciou seu transporte de cargas por R$ 65 mil. Após várias ligações de interessados, ele recebeu uma que teria acarretado no fechamento do negócio. O estelionatário, durante a primeira ligação, se identificou como Nunes e era morador de Camapuã/MS (362km distante de Três Lagoas). Após as tratativas, a negociação foi finalizada da seguinte forma: uma entrada de R$ 51 mil e, posteriormente, o restante, R$ 14 mil, quando a vítima passasse o recibo para o acusado.

Após confirmar junto ao banco se o deposito havia sido efetuado, ele entregou o caminhão a dois jovens que o levaria até o acusado, na capital, Campo Grande (MS). No entanto, ao verificar ontem em sua agência bancária sobre o deposito, foi surpreendido, pois foi avisado pelo banco que no envelope não havia nenhum cheque no valor de R$ 51 mil.

Já a testemunha também achou que caiu em um golpe, pois ao chegar no local combinado para fazer a entrega do veículo – uma oficina mecânica – ele ligou diversas vezes para o contratante, porém, não foi atendido nenhuma vez. Portanto, ele resolveu deixar no estabelecimento e voltou para Três Lagoas.

A vítima também tentou falou por diversas vezes com o suspeito, no entanto nenhum telefonema foi atendido. O caso será investigado pela Polícia Civil de Três Lagoas.

A polícia Civil irá investigar o crime como estelionato (Foto Ilustrativa)

Comentários