31/07/2017 13h08

Homem é flagrado jogando lixo em córrego de Três Lagoas

Acusado, ao ver as pessoas registrando o procedimento, se revoltou e disse que ‘Jesus vai amaldiçoa-las’

Lucas Gustavo

Moradores de Três Lagoas flagraram um homem despejando duas caixas com lixos nas imediações do córrego da Onça. O fato aconteceu por volta das 10h30 de ontem (30), na rua Maria Guilhermina Esteves. O local fica em um trecho do bairro Vila Zucão e, inclusive, nas proximidades de uma escola municipal. A cena revoltou as testemunhas, que registram imagens da atitude do acusado e enviaram ao Perfil News.

Um dos moradores que viu a ação disse à reportagem que o suspeito aparenta ter entre 35 e 45 anos. O entrevistado que, temendo represália, optou pelo anonimato, explicou que o homem estava em um automóvel Siena Fire, com placas de Votuporanga (SP).

NA CONTRAMÃO

De acordo com o morador, o suspeito estacionou o veículo na contramão abriu o porta-malas e retirou uma caixa com lixos. Entre os objetos estavam CD’s, livros, revistas, um aparelho de DVD e até uma carteira com o brasão do Exército Brasileiro. Todos os materiais foram despejados pelo acusado às margens do córrego.

‘’Estávamos em um grupo de amigos em uma conveniência perto do campinho que atravessa o córrego. Quando vimos a atitude do motorista, gritamos a acenamos para que parasse. Ele nos ignorou e reagiu com um gesto obsceno, mostrando o dedo do meio’’, lembrou a testemunha.

Segundo o entrevistado, após jogar o lixo, o homem entrou no carro e foi embora. Minutos depois, ele retornou com uma segunda caixa de objetos velhos e repetiu a ação. Dessa vez, os moradores conseguiram registrar o fato.

‘’Ele (acusado) não se intimidou com nossa presença em momento algum, pelo contrário, pareceu bem à vontade com a situação. Esperamos que algo seja feito pelas autoridades competentes, pois o caso é revoltante’’, desabafou o morador.

CARTEIRA DO EXÉRCITO

Também conforme a testemunha, houve um momento em que o suspeito se aproximou do grupo e reagiu com tom de violência. ‘’Em nome de Jesus, essa conveniência irá fechar’’, teria dito o motorista.

Na manhã desta segunda-feira (31), a reportagem do Perfil News esteve no local indicado pelas testemunhas e constatou as acusações. Os materiais despejados pelo suspeito ainda estão lá. Dentro da carteira, inclusive, havia fotos de um homem, mas não é possível afirmar que se trata do acusado.

Lixo de todo tipo, inclusive moveis velhos e aparelhos eletrônicos são jogados no local como mostram as fotos

Sobre as providências a serem tomadas a respeito do caso, o Perfil News tentou contato com o promotor de Justiça de Meio Ambiente, Antônio Carlos Garcia de Oliveira. Ele não pôde conceder entrevista por estar em uma reunião com o comandante do quartel.

A reportagem também procurou o Secretário de Meio Ambiente e Agricultura, Celso Yamaguti. A assessoria da pasta informou que ele se encontrava ocupado, em uma reunião na Promotoria do Meio Ambiente.

Conforme registrado pela reportagem, o córrego está repleto de entulhos, sacos plásticos, papéis, garrafas e móveis velhos. Por conta disso, os moradores da região convivem com o mau cheiro. Eles também temem a presença de animais peçonhentos e mosquitos transmissores de doenças.

Lixo é despejado a céu aberto há poucos metros das residências da rua Maria Guilhermina Esteves em Três Lagoas (Foto: Ricardo Ojeda)

Até a carteira do Exército com fotos (provavelmente do autor) foi jogada no local (Foto: Ricardo Ojeda)

O

A reportagem do Perfil News após receber denúncias dos moradores esteve no local e constatou a agressão ao meio ambiente (Foto: Ricardo Ojeda)

Comentários