03/11/2015 14h22 – Atualizado em 03/11/2015 14h22

Apreensão aconteceu na tarde de ontem (2) após fiscalização na BR-262, próximo a divisa com o estado de São Paulo

Assessoria

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas (MS) prenderam ontem (2) à tarde, um turista por pesca predatória. A prisão ocorreu durante fiscalização na BR 262, no Posto de Jupiá, próximo à divisa com o estado de São Paulo, quando o pescador paulista foi abordado e, em um veículo marca Toyota Hilux, puxando um reboque, havia 41 kg de pescado, portanto, em quantidade acima da cota permitida pela legislação. Ele poderia capturar e transportar apenas 10 kg mais um exemplar.

O turista, de 57 anos, residente em Sorocaba (SP) tinha capturado os peixes nos rios do Pantanal. O pescado e o veículo foram apreendidos.

O pescador recebeu voz de prisão e foi encaminhado, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Três Lagoas, onde ele foi autuado em flagrante por crime ambiental de pesca predatória. Se condenado poderá pegar pena de um a três anos de detenção. O autuado recebeu multa de R$ 1.520,00. O pescado será doado a instituições filantrópicas depois de periciado.

(*) Assessoria Polícia Militar Ambiental

Turista, de 57 anos, residente em Sorocaba interior de São Paulo (Foto:Assessoria)

Comentários