21/10/2019 13h56

Em poucos minutos, rajadas de vento de mais de 70 km/h destelharam casas e arrancaram árvores

Gisele Berto

Uma tempestade rápida e potente atingiu em cheio a cidade de Três Lagoas no início da tarde de hoje, 21. Com ventos que chegaram a mais de 70 km/h, a cidade viu a maior precipitação dos últimos quatro meses, com 19 mm de chuva em cerca de meia hora. Antes disso, a maior incidência de chuva havia sido em julho, com 31 mm no dia 4.

A diferença é que, dessa vez, o volume de chuva caiu em cerca de meia hora. Em setembro Três Lagoas já havia passado por outra tempestade de ventos que deixou um rastro de destruição. Na ocasião, entretanto, não choveu em grande intensidade.

Hoje o vendaval, mais uma vez, deixou casas destelhadas e árvores arrancadas. Na região central da cidade um raio atingiu o para-raio de um edifício e a descarga elétrica acabou atingindo um comércio de ferragens. Um eletricista, que estava próximo aos ferros no momento da descarga, acabou se queimando. Além disso, a fachada do comércio foi arrancada pela força dos ventos.

Segundo os Bombeiros, as maiores ocorrências são de queda de árvores. Há chamados nos bairros Vila Nova, Vila Piloto, Jupiá e Ipacaraí. No bairro Nossa Senhora Aparecida a casa de uma idosa foi destelhada.

Um carro foi atingido por uma árvore na rua Benedito Alcino da Fonseca, no Parque São Carlos. Os bombeiros trabalham nesse momento para remover a árvore de cima do veículo.

De acordo com o INMET continua a previsão de chuva para os períodos de tarde e noite desta segunda-feira, mas com ventos de intensidade moderada.

Árvores foram arrancadas pelo vento em vários bairros da cidade. Bombeiros foram chamados à Vila Nova, Vila Piloto e Ipacaraí. Foto: Divulgação Bombeiros

Antes e depois da fachada do comércio de ferros, que foi arrancada pelo vendaval; um eletricista que estava no local acabou ferido por um raio que caiu em prédio das proximidades. Foto: Arquivo Perfil News

Carro foi atingido por árvore no Parque São Carlos. Foto: Ricardo Ojeda

Casa de uma idosa, no Nossa Senhora Aparecida, foi destelhada pelo vendaval desta tarde. Fotos recebidas pela internet

Comentários