29/01/2019 14h00

Pagamentos foram liberados pelo Conselho da Justiça Federal a 8,2 mil segurados, referente a ações de atrasos de dezembro de 2018

Campo Grande News

O CJF (Conselho da Justiça Federal) liberou lote de benefícios do INSS (Instituto Nacional de Seguro Social) em atraso para 60,3 mil segurados. São casos de pessoas que ganharam ações de revisão no TRF (Tribunal Regional Federal) ou concessão de benefícios previdenciários.

No caso do TRF3ª Região, que atende Mato Grosso do Sul e São Paulo, serão pagos R$ 130,630 milhões a 8.204 beneficiários, referente a 7.326 processos, relativos às requisições de pequeno valor (RPVs), autuadas em dezembro de 2018.

No total, são R$ 891,705 milhões de total de 95.583 processos, com 108.525 beneficiários. Destes, R$747.881.559,57 correspondem a matérias previdenciárias e assistenciais – revisões de aposentadorias, pensões e outros benefícios.

De acordo com informações do conselho, cabe aos TRFs, segundo cronogramas próprios, o depósito dos recursos financeiros liberados. Com relação ao dia em que as contas serão efetivamente liberadas para saque, esta informação deve ser buscada na consulta processual do portal do tribunal regional federal responsável.

INSS pagará benefícios referentes a atuações de dezembro de 2018 (Foto/Divulgação)

Comentários