30/03/2015 10h06 – Atualizado em 30/03/2015 10h06

Faltam ainda 72 pessoas serem identificadas pelas equipes que realizam os trabalhos

Da redação

Os investigadores franceses identificaram o DNA de 78 dos 150 ocupantes do avião A320 da Germanwings que caiu nos Alpes franceses na última terça-feira (24), anunciou ontem (29) o líder que dirige a equipe de investigação, Brice Robin.

Ainda não foi identificado nenhum passageiro, o que será feito posteriormente em Paris, comparando ao material colhido no local da tragédia às amostras trazidas por parentes.

Os trabalhos de busca dos restos dos corpos dos passageiros no local do acidente prosseguem hoje pelo sexto dia consecutivo. Por dia, são feitos 50 voos de helicópteros para transportar técnicos envolvidos na busca.

(*) Agência Brasil

Equipes de busca trabalham no local onde caiu o avião da Germanwings. (Foto: Divulgação)

Comentários