17/11/2006 09h57 – Atualizado em 17/11/2006 09h57

Terra

Uma jovem de 21 anos teria morrido ontem vítima de complicações desencadeadas pela anorexia nervosa e bulimia em Araraquara, interior de São Paulo. Uma parente próxima confirma a morte de Carla Sobrado Cassali em função do distúrbio alimentar e afirma que ela tentava tratar a doença há 5 anos, mas os médicos do Hospital Beneficiência Portuguesa, onde estava internada desde a segunda-feira, não confirmam a informação. O Serviço de Verificação de Óbito (SVO) e do Instituto Médico Legal (IML) ainda não diagnosticaram a causa da morte. O laudo médico só será concluído após alguns exames de anatomia patologia, toxicologia, entre outros, que serão realizados no IML de São Paulo. Não existe data para conclusão dos exames. O enterro de Carla está marcado para hoje. O pai e a mãe da moça, que moram em Araraquara, foram procurados pela reportagem, mas, segundo familiares e amigos, não querem se pronunciar. A garota, que usava manequim 34, mas se considerava gorda, era estudante universitária de um curso de Moda em São Paulo, onde morava com uma tia.

Comentários