02/04/2019 09h02

De acordo com o delegado, suspeito alega “legítima defesa”. Vizinhos acionaram a polícia quando sentiram mau cheiro na residência do casal.

Do G1

Foi encontrado na manhã de segunda-feira (1º) o corpo da adolescente Jheniffer Cáceres de Oliveira de 17 anos, morta pelo namorado, Paulo Eduardo dos Santos, de 18. O crime aconteceu no último sábado (30), em Sidrolândia.

De acordo com o delegado Diego Dantas, o rapaz usou um fio de celular para tentar esganá-la. Quando não conseguiu, usou uma coleira de cachorro para apertar o pescoço da adolescente, matando-a.

Segundo Dantas, o suspeito teria discutido com a namorada em um bar e que ao chegar em casa, as discussões continuaram. Ele disse à polícia que a mulher teria jogado um cabo de vassoura nele e usado uma faca para ameaçá-lo. “O rapaz confessou o crime e alega legítima defesa”, afirma o delegado.

Dantas relatou ainda que o suspeito dormiu ao lado do corpo desde a madrugada do último sábado. O corpo só foi descoberto nesta segunda-feira porque vizinhos sentiram mau cheiro na residência do casal e acionaram a polícia.

O homem foi preso na tarde desta segunda-feira perto da residência. Ele responderá pelos crimes de feminicídio e ocultação de cadáver. O delegado afirmou que, até o momento, o suspeito não possui advogado para representá-lo.

Jovem usa fio de celular e coleira de cachorro para matar namorada adolescente, em Sidrolândia (MS). — Foto: Facebook/Reprodução

Comentários