12/11/2018 15h49

A multa para descumprimento seria de R$ 500 por dia

Gisele Berto

A Justiça do Estado do Mato Grosso do Sul concedeu, no último domingo, uma liminar em favor da três-lagoense vítima de porn revenge, que teve um vídeo íntimo divulgado por um ex-namorado.

O vídeo da moça acabou parando em um site com conteúdo pornográfico no dia 9 desse mês e, em três dias, teve mais de 45 mil visualizações.

Em caráter de urgência, a justiça decidiu pela retirada do vídeo no prazo de até 48h. Informações extraoficiais dão conta de que a multa afixada é de R$ 500 por dia.

Comentários