08/01/2013 10h03 – Atualizado em 08/01/2013 10h03

Candidato, eleito com 50,25% dos votos, teve o registro cassado. Novo pleito foi marcado para o dia 3 de março.

Da Redação

O Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS) determinou a realização de uma nova eleição, no dia 3 de março, para os cargos de prefeito e vice-prefeito em Sidrolândia. O candidato que ficou em primeiro lugar, Enelvo Iradi Felini (PSDB), teve o registro de candidatura cassado e não assumiu o cargo. A data do novo pleito foi publicada na edição desta terça-feira (8) do Diário Oficial do órgão.

Conforme resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), quando um candidato que teve o registro cassado é eleito com mais de 50% dos votos válidos, uma nova eleição deve ser agendada para a escolha de outro candidato. Felini teve 11.870 votos, o que corresponde a 50,25% dos votos válidos.

Felini teve o registro de candidatura cassado por ter tido as prestações de contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) em 2003, época em que foi prefeito.

De acordo com o calendário eleitoral, publicado juntamente com a data do novo pleito no Diário Oficial, os partidos terão até 15 de janeiro para fazer as convenções partidárias e até 18 de janeiro para entregar os registros de candidaturas.

As propagandas eleitorais por meio de comícios, aparelhagens de som fixas ou móveis e internet poderão ser feitas a partir de 19 de janeiro. Já os programas eleitorais gratuitos na televisão e na rádio poderão ser feitas de 9 a 28 de fevereiro.No dia da eleição, os eleitores poderão votar das 8 horas às 17 horas.

MAIS CASOS

Em Bonito, também será realizada uma nova eleição no dia 3 de março. O candidato que ficou em primeiro lugar, Geraldo Marques (PDT), teve o registro ea candidatura cassado. Ele foi eleito com 6.611 votos, o que corresponde a 52,05% dos votos válidos.

Em outros três municípios, os candidatos vencedores tiveram a impugnação confirmada, mas como não ultrapassaram os 50% dos votos válidos, a vitória foi dada ao segundo colocado. Em Aquidauana, Zé Henrique (PDT) foi em possado no lugar de Fauzi Suleiman (PMDB); em Selvíria, Dr. Beto (PMDB) assumiu a prefeitura ao invés de Jaime (PMN) e em Porto Murtinho, Heitor (PT) foi diplomado no lugar de Rosangela Baptista (PMDB).

(*) Com informações de G1 MS

Comentários