16/04/2014 11h50 – Atualizado em 16/04/2014 11h50

A vítima é um homem de 62 anos que seria funcionário de uma indústria de tecidos em Três Lagoas; o assalto aconteceu no início da manhã de hoje

Léo Lima

Bandidos encapuzados invadiram uma casa, pulando o muro da residência, e renderam o morador, um homem de 62 anos ( e não uma mulher, conforme noticiado anteriormente), e armados ameaçavam matar a vítima caso não lhes entregasse joias e dinheiro. O fato ocorreu por volta das 5h30 desta quarta-feira (16), no bairro Vila Nova, em Três Lagoas.

De acordo com informações da Polícia, os assaltantes teriam chegado na residência, localizada na viela João de Almeida, próximo do Sesi, e tiraram os calçados, pulando o muro da casa só usando meias, provavelmente para não chamar a atenção no momento da invasão. Em seguida, renderam a vítima que tinha acabado de acordar e estava se preparando para ir ao trabalho em uma fábrica de tecidos, no distrito industrial.

Conforme consta, a vítima ficou nas mãos dos bandidos por quase uma hora, enquanto os ladrões vasculhavam a residência a procura de pertences. Enquanto faziam o “serviço”, um deles mantinha o telefone celular ao ouvido, conversando com uma outra pessoa que, provavelmente, estaria dando cobertura do lado de fora da casa, “sondando” a polícia.

TERROR E MEDO

Os ladrões estavam armados com um revólver e uma faca, que era usados para amedrontar a vítima, que relatou na delegacia que um dos ladrões é negro e o outro moreno.

Após roubarem dinheiro, celular e outros objetos da vítima, os assaltantes se evadiram tomando rumo ignorado. Na garagem da residência havia uma Renault Duster, mas os bandidos não quiseram levar.

Antes de deixarem o local, os ladrões teriam trancado a vítima em um dos cômodos da casa. O homem conseguiu se libertar perto das 7h30, quando comunicou o roubo à Polícia Militar. Agora a Polícia Civil vai investigar o caso.

Comentários