06/06/2015 11h36 – Atualizado em 06/06/2015 11h36

Testemunhas reconheceram os meliantes, sendo conhecidos popularmente chamados de Rafaelzinho e Kuduro

Fábio Jorge

Era para ser um furto, mas por sorte, moradores de uma residência no Jardim das Violetas sofreram apenas violação de domicílio. O fato aconteceu em plena tarde de ontem, sexta-feira (05), na Rua do Poeta, quando um vizinho da residência de número 1700, chegou em sua casa e avistou dois indivíduos arrancando a grade de proteção de uma das janelas.

Notando que foram avistados, os meliantes fugiram do local, se escondendo em meio ao matagal existente nas proximidades, esquecendo no quintal da casa duas bicicletas.

Os vizinhos foram aglomerando em volta da casa invadida e contataram a polícia. Nesse momento, um dos jovens voltou à residência e, em posse de arma de fogo, resgatou sua bicicleta, dizendo aos populares que, se alguém falasse alguma coisa, iria voltar e acertar as contas.

Após as ameaças, ele foi embora e deixou no local, a segunda bicicleta, provavelmente de posse do seu comparsa. Em pouco tempo, a Polícia Militar chegou à casa e foi informada sobre o caso. Testemunhas reconheceram os meliantes, sendo conhecidos popularmente chamados de Rafaelzinho e Kuduro. A bicicleta foi encaminhada à delegacia, por ter sido registrada uma queixa de furto no dia 20 de abril deste ano.

Os policiais não identificaram os envolvidos na tentativa de furto e o caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).

A PM realizou rondas em busca dos acusados, mas não os identificou. (foto: Divulgação)

Comentários