27.2 C
Três Lagoas
quinta-feira, 2 de dezembro, 2021

MAIS EMPATIA, MENOS ÓDIO

É incrível como algumas pessoas que deveriam se mostrar grande, altruístas e sensatas, se comportam exatamente ao contrário

(*) Ricardo Ojeda

ALCATEIA

A maioria diminui o seu tamanho, agigantando a sua capacidade de externar a sua ignorância, atacando como se fosse uma alcateia a quem se põem à frente de seus interesses.

INFLUENCIADOR SOFRE

O titular dessa coluna vem recebendo esse tratamento quase que diariamente, pelo fato de ser um influenciador nas redes sociais e por isso divulga situações que agrada um determinado segmento, em detrimento de outro.

FORTÕES IRADOS

O último episódio foi devido a uma inocente postagem no facebook, mas o suficiente para causar a ira dos fortões, personal, donos de academias e seus bajuladores.

VIOLÊNCIA VERBAL

Como se fossem uma raivosa alcateia, os valentes gladiadores das redes sociais despejaram comentários com extrema violência verbal. Tais comportamentos traz-me muita preocupação, pelo fato que alguma delas são pessoas aparentemente cultas, de boas condições socioeconômica e por isso deveria se portal de maneira decente.

SARCÁTISCO

Com apenas duas frases em tom sarcástico: “Esse prefeito Guerreiro é o Cara! De uma hora para outra tudo mundo virou fitnees”, despertei a ira dos gladiadores das academias. Eles, no intuito de defender a categoria despejaram os mais variados insultos à minha pessoa.

MÚSCULOS X CÉREBRO

Se exercitassem mais o cérebro ao invés dos músculos, com certeza os gladiadores entenderiam que o post se refere às pessoas causadoras de polêmicas que nunca entraram em uma academia e não às academias e seus frequentadores.

MATILHA

Mas, uma alcateia, assim como uma matilha seguem o líder, até para o abismo. Bastou apenas o primeiro comentário crítico que os demais seguiram o líder. Teve alguns do bando que foi tanto na onda que nem sabia do que se tratava.

VALENTÃO DO WHATSAPP

Até de levar uma surra foi ameaçado por um tresloucado porra louca, que valentemente fez seguir seu comentário nos grupos de fofoqueiros da cidade. Salientando que o valentão já foi devidamente identificado e os devidos procedimentos estão sendo tomados contra o gladiador tupiniquim.

DESVIOS COGNITIVOS

De todos os comentários depreciativos à minha pessoa, escolhi um para emoldurar essa coluna. O texto foi redigido e publicado por um saradão, que aparentemente apresenta desvios cognitivos e postura pirronista. (veja abaixo)

CUPINCHAS

O mais incrível ainda que alguns, provavelmente seus cupinchas o apoiaram, enaltecendo-o nos comentários a publicação, mostrando a mesma tendência comportamental do seu líder. Confira o print abaixo.

CONFRONTAÇÃO

Para concluir: se ao invés da guerra e ofensas verbais, os empresários das academias tivessem outra postura, como solicitar apoio para a categoria, com certeza jamais me furtaria de fazer ecoar a voz e as reinvindicações dessa classe empresarial. Infelizmente ao invés disso optaram pelo confronto.

COMPREENSÃO AO AMOR AO PRÓXIMO

Com tudo que estamos passando, as dificuldades, a perca de pessoas queridas da nossa sociedade, ainda tem muita gente que não aprendeu o significado da empatia, da parceria, do respeito, da compreensão e do amor ao próximo.

TEMPOS DIFÍCEIS

Estamos vivendo tempos difíceis! Só sairemos vencedores se nos cuidarmos, obedecendo as normas sanitárias que nos protegem. Devemos ter mais união, mais amor e fé. Só assim teremos dias melhores.

AMOR E EMPATIA

Inclusive sobre esse assunto falei hoje com o nosso Dom Luiz Gonçalves Knupp, Bispo da Diocese de Três Lagoas. O líder religioso disse que em momentos como esses é preciso praticar mais o amor e a empatia. A entrevista você pode conferir nesse link.

ATÉ A POLÍCIA

Para finalizar uma informação que me deixou muito preocupado. Em conversa com o coronel Gil Alexandre, comandante do 2º BPM de Três Lagoas, ele disse que vários policiais estão afastados das funções em decorrência da covid.

EFETIVO

Inclusive tem até um oficial que testou positivo. Com isso, o valente comandante está se virando “Nos 30” para suprir a escala de serviços de patrulhamento da cidade.

Comentários
MATÉRIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

error: Este Conteúdo é protegido! O Perfil News reserva-se ao direito de proteger o seu conteúdo contra cópia e plágio.