01/02/2012 11h08 – Atualizado em 01/02/2012 11h08

Hoje será realizada uma reunião na sala de convenções no Hotel Mediterrâneo com trabalhadores, empregadores Sindicatos e Ministério do Trabalho

Esta é a primeira paralisação em 2012 realizada por pelos funcionários terceirizados que estão trabalhando na construção da Eldorado Brasil

Elisângela Ramos

Será realizada nesta quarta-feira (01) a segunda mesa de negociações com a presença de representantes do Ministério do Trabalho, Ministério Público do Trabalho, Sindicatos da categoria, Força Sindical e trabalhadores das empresas contratadas pela Eldorado Brasil, a mesa redonda tem como objetivo discutir o fim da paralisação que já dura cerca de sete dias.

MESA NEGOCIAÇÕES

A reunião terá a participação do superintendente regional do Ministério do Trabalho, Anísio Pereira, cerca de 7 mil trabalhadores estão parados, e o canteiro de obras da fábrica de celulose que será a maior em linha única do mundo está parcialmente paralisado desde o dia 25 de janeiro.

PRESENÇA

Esta reunião deve reunir representantes da Eldorado Brasil e também os das empreiteiras contratadas para a construção do Complexo Industrial, nas reuniões anteriores o não comparecimento de todos os representantes prejudicou o andamento e o resultado final das negociações.

REIVINDICAÇÕES

As reivindicações dos trabalhadores são as seguintes: alimentação de mais qualidade e com melhores condições higiênicas; pagamento regular de direitos trabalhistas; o pagamento de hora “in etinere”; plano de saúde que atenda também as famílias; receber ajuda de custo para viagem e liberação dos trabalhadores no dia do pagamento para realizar serviços de banco, além de outras solicitações.

O canteiro de obras está parcialmente paralisado 
Foto: Cristiane Vieira

O superintendente regional do Ministério do Trabalho, Anísio Pereira, durante reunião no segunda-feira (30)
Foto: Elisangela Ramos

Comentários