10/03/2016 17h23 – Atualizado em 10/03/2016 17h23

O pedido se estende ao ex-presidente da OAS Léo Pinheiro e ao ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto

Daniela Silis, com informações

Segundo o site da Folha de S. Paulo, os promotores Cassio Conserino, José Carlos Blat e Fernando Araújo pediram um mandado de prisão preventivo ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva na tarde dessa quinta-feira. O mandado é proveniente da denúncia que apresentaram nessa quarta-feira (9) sobre o tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo.

Ainda conforme o site, o mandado se estende ao ex-presidente da empresa OAS Léo Pinheiro e ao ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto. O caso será analisado pela Juíza Maria Priscilla Ernandes Veigo Oliveira, da 4ª Vara Criminal de São Paulo e não tem um dia certo para a justiça decidir sobre ele.

O pedido corre sobre segredo de justiça em São Paulo.

ACUSAÇÃO

O ex-presidente Lula é acusado de lavagem de dinheiro, junto com sua esposa Marisa Letícia e o filho do casal, Fábio Luís Lula da Silva, o Lulinha, além de falsidade ideológica. Os crimes podem render de 3 a 10 ano de prisão para lavagem de dinheiro e de 1 a 3 anos por falsidade ideológica.

(*) Folha de S. Paulo

Comentários