17/01/2019 15h02

Objetivo é a busca e coleta de focos de criadouros do Aedes, para controle da Dengue

Redação

Equipes do Setor de Endemias e Controle de Vetores da Vigilância em Saúde e Saneamento da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) de Três Lagoas estiveram na área central do Distrito de Arapuá, no período da manhã desta quinta-feira (17).

Nesta ação de duas equipes de Agentes de Endemias foram percorridas todas as residências do centro de Arapuá, com a finalidade específica de orientar os moradores sobre a importância de localizar e recolher todos os focos criadouros do Aedes aegypti, vetor da Dengue, Chikungunya e Zica Vírus.

Amanhã, sexta-feira (19), também no período matutino, as equipes da Saúde voltam ao Distrito de Arapuá para uma ação específica de aplicação de inseticida de bloqueio químico para controle da proliferação do mosquito Aedes.

Em Arapuá, a borrifação, popularmente conhecida como “fumacê”, deverá ser feita em cinco ciclos com intervalos de três dias, como explicou o coordenador do Setor de Endemias e Controle de Vetores, Alcides Divino Ferreira.
Seguindo as Diretrizes Nacionais do Ministério da Saúde, no bloqueio químico, vem sendo usado o sistema de borrifação do produto Malathon, misturado com água e não inflamável, pelo sistema de bomba Ultra Baixo Volume (UBV), acoplada em veículo da frota da SMS.

A equipe de Promoção de Saúde e dos Agentes de Endemias da SMS orienta a população a abrir as portas e janelas de suas casas para que a borrifação obtenha resultados, eliminando as fêmeas dos mosquitos adultos, que costumam entrar nas residências pela manhã e no finalzinho da tarde.

Comentários