09/10/2015 15h47 – Atualizado em 09/10/2015 15h47

Homem seguia para Ribas do Rio Pardo quando invadiu pista contrária. Condutor estava preso desde sábado vai responder por homicídio doloso.

Da Redação

O motorista de 35 anos que causou acidente na BR-262 com cinco mortes pagou uma fiança de R$ 3 mil e vai responder em liberdade por homicídio doloso. O acidente ocorreu no último sábado (3) quando ele seguia para Ribas do Rio Pardo, região a 84 km de distância de Campo Grande, e invadiu a pista contrária colidindo de frente com um veículo. Ele foi preso no mesmo dia.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os dois veículos pegaram fogo. No acidente morreu uma família inteira, além da mulher do motorista de 35 anos que causou o acidente. No carro dele, foram encontradas latas de cerveja, por isso o crime é doloso, quando há intenção de matar.

O delegado responsável pelo caso, Thiago Macedo, afirmou que o condutor tinha ingerido bebida alcoólica por oito horas antes de dirigir na rodovia. O casal estaria na casa de conhecidos em Água Clara, região leste de Mato Grosso do Sul e decidiram ir para Ribas do Rio Pardo.

ROTINA

Conforme o delegado, depoimentos de familiares da esposa do motorista indicam que era rotina dele dirigir embriagado. A mãe da mulher e a esposa dele contaram também à polícia que ele costumava fazer em 30, 40 minutos o trajeto entre Água Clara e Ribas do Rio Pardo.

“Ele fazia nesse período um trecho de cerca de 100 quilômetros. Além disso, elas falaram que ele tinha o hábito de fazer manobras arriscadas”, conta Macedo.

SALVA

A irmã da esposa do motorista contou aos policiais que ela e a filha de 5 anos iriam viajar com o casal, porém, como no carro não tinha cadeirinha para a criança, ela decidiu ficar e pediu para que eles também não fossem.

VÍTIMAS

Além da esposa do motorista bêbado, morreram também um pastor, dois filhos deles, uma menina de 8 anos e um menino de 12 , e uma amiga da família.

Os corpos das crianças estavam foram do veículo. Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), eles não usavam cinto de segurança. O pastor e a amiga da família foram carbonizados.

(*)G1

Acidente deixa cinco mortos na BR-262, perto de Ribas do Rio Pardo (Foto:Reprodução)

Comentários