21/09/2017 17h17

Dados foram divulgados pelo Ministério do Trabalho nesta quinta-feira (21). Construção civil e agropecuária foram os setores que mais perderam postos.

Redação

Mato Grosso do Sul fechou 466 vagas de emprego formal no mês de agosto, conforme dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados pelo Ministério do Trabalho nesta quinta-feira (21). Com esse resultado, o estado ficou em 22º no ranking das unidades da federação.

Construção civil e agropecuária perderam 812 e 600 postos de trabalho com carteira assinada no estado. Comércio e serviços industriais de utilidade pública também tiveram saldo negativo: -114 e -26.

Por outro lado, serviços e indústria de transformação fecharam agosto com saldo positivo de 822 e 251 vagas. Administração pública e extrativa mineral também tiveram variação positiva: 10 e 3.

O resultado estadual de agosto foi menos negativo que o de julho, quando o estado perdeu 1,8 mil vagas.

(*) G1/MS

Comentários