17/01/2013 07h41 – Atualizado em 17/01/2013 07h41

Mato Grosso do Sul inicia colheita da soja com estimativa de movimentar R$ 5 bilhões

Agora, crescem as contratações no campo e intensifica o movimento da cadeia produtiva

Da Redação

Quem viajar nesta época pelas estradas de Mato Grosso do Sul poderá notar a mudança da paisagem: as primeiras colheitadeiras trabalhando e aumento do fluxo de caminhões. É o início da colheita da soja e, por conseguinte, aquecimento da cadeia produtiva do grão, com volume maior de contratações no campo e injeção de valor bilionário na economia estadual.

Apenas em MS, a oleaginosa deve movimentar aproximadamente R$ 5 bilhões nesta safra, considerando a estimativa de produção de 6 milhões de toneladas e preço da saca a R$ 50.

Ontem, a Associação dos Produtores de Soja de Mato Grosso do Sul (Aprosoja/MS) realizou a abertura oficial da colheita da soja na Fazenda Bom Jesus, em Bandeirantes, a 60 quilômetros de Campo Grande. Conforme a entidade, nesta semana, iniciou-se, em todo Estado, a colheita dogrão, plantado precocemente, no início de outubro. As lavouras nessa situação não chegam a 10%, mas são importantes para antecipação do plantio do milho e para aproveitamento dos melhores preços.

(*) Com informações de Correio do Estado

Soja é colhida na Fazenda Bom Jesus, em Bandeirantes, onde foi realizada, ontem, a abertura oficial (Foto: Gerson Oliveira / Correio do Estado)

Comentários