22/08/2014 11h16 – Atualizado em 22/08/2014 11h16

Mulher arranha, morde e bate no marido porque não foi busca-la no serviço

O fato aconteceu no bairro Santa Luzia, no começo da noite de ontem; a vítima foi até a Polícia e pediu providências para “acalmar” a companheira

Léo Lima

Um fato não muito comum no cenário de relacionamentos amorosos aconteceu no começo da noite de quinta-feira (21) em Três Lagoas: uma baiana, ensandecida, agrediu o companheiro, aplicando-lhe tapas, unhadas e mordidas e ainda lançando sobre ele um banco que atingiu suas costas.

De acordo com boletim de ocorrência registrado pela vítima na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), o fato ocorreu por volta das 18h40, na rua Angelina Tebet, no bairro Santa Luzia. Segundo consta, E.C.S., de 31 anos, não teria ido buscar sua convivente C.O.S., 32, no serviço e esta, ao chegar em casa, passou a agredi-lo, aplicando-lhe tapas, arranhões e mordidas, deixando lesões na vítima. Não satisfeita com as unhadas aplicadas no companheiro e conforme este, ela pegou um banco de madeira e jogou em suas costas.

Ainda conforme relato da vítima, para que o marido não pudesse ir até a delegacia comunicar o ocorrido, a mulher cortou os pneus e fiação da motocicleta dele. E. contou à polícia que há dias C. vem lhe maltratando e até ameaçou que vai incendiar a moto e a casa onde vivem.

Por conta disso, o homem resolveu representar criminalmente contra a mulher, que ficou compromissada em comparecer no Juizado Especial para resolver a pendência.

Comentários