Condutor de veículo carregado com maconha fura bloqueio que a PRF fazia na BR 267 e durante perseguição troca tiros com a polícia. No trevo do distrito da Casa Verde em Nova Andradina atropela três pessoas  

Uma triste ocorrência foi registrada na noite deste sábado no distrito da Casa Verde, em Nova Andradina. Agentes da Polícia Rodoviária Federal em perseguição ao veículo Kia, que furou o bloqueio na BR 267, saiu em disparada trocando tiros com a PRF.

Já no distrito da Casa Verde, o condutor do Kia, ao fazer a conversão na rotatória com a MS 134, atropelou três pessoas, sendo uma mulher de 20 anos e um menino que morreram no local, enquanto a terceira vítima, uma professora, identificada por Simone Silva, foi levada em estado grave ao hospital de Nova Andradina.

Após o atropelamento, o fugitivo perdeu o controle do veículo e colidiu na traseira de uma carreta, sendo preso imediatamente pelos policiais.

O veículo, com placas NYH – 6483/BA, estava carregado com entorpecente e conforme informações do site Jornal da Nova, os moradores da localidade chegaram ao local e ao ver as cenas, ficaram revoltados e tentaram linchar o acusado que estava preso na viatura. Alguns populares chegaram a balançar o veículo, mas foram contidos pela polícia.

Uma das vítima que morreram no local, foi identificada por Eloa. Ela é acadêmica de Medicina no Paraguai (Foto: Divulgação)

As três vítimas estavam no canteiro da rodovia e seguiam para  rodoviária, onde iria embarcar um dos filhos da professora.  O menino de 11 anos, não resistiu aos ferimentos e morreu no local, o mesmo aconteceu com a acadêmica que cursa Medicina no Paraguai, identificada por Eloá. A mãe deles foi levado em estado grave para o hospital de Nova Andradina.

A perícia da Polícia Civil de Nova Andradina está no local.

Comentários