11/01/2019 13h18

Homem fica de "fogo" e queima colchão e materiais de construção em Três Lagoas

O incêndio foi causado depois que o autor ter sido acusado de danificar os materiais de que cuidava

 
Thais Dias
 
No local o colchão do possível autor do crime foi retirado da cama e jogado em cima de uma pilha de materiais (Foto/Assessoria) No local o colchão do possível autor do crime foi retirado da cama e jogado em cima de uma pilha de materiais (Foto/Assessoria)

A manhã desta sexta-feira (11) amanheceu quente, e nem estamos falando do calor que assola a cidade de Três Lagoas. Um incêndio, causado propositalmente, destruiu parte de uma construção localizada na rua Oscar Guimarães, no Centro.

A S.I.G (Serviços de Investigação Gerais) foi acionada pelo dono do prédio comercial que passa por uma manutenção. Segundo a vítima ao chegar no local se deparou com o gesso do teto todo quebrado e queimado, além de alguns materiais incendiados.

A suspeita do incêndio caiu sobre um ex-funcionário da obra que pernoitava ali para evitar pequenos furtos. No local o colchão do possível autor do crime foi retirado da cama e jogado em cima de uma pilha de materiais. Vários fósforos riscados foram encontrados no local, provando que a ação não havia sido um acidente. A polícia também encontrou três garrafas vazias de cerveja.

Após algumas testemunhas afirmarem ter visto o homem no local alcoolizado e causando transtornos, a Polícia começou a fazer diligências e encontrou o autor nas proximidades da Lagoa Maior.

Questionado sobre o incêndio o homem, identificado como P. M., afirmou ter ateado fogo no local, após ter sido acusado injustamente de danificar materiais de construção e de ter "mexido" com mulheres nas proximidades da construção.

O autor foi atuado em flagrante por incêndio doloso e dano ao patrimônio.

Envie seu Comentário