08/11/2018 13h23

SIG prende quadrilha suspeita de praticar crime de estelionato em Três Lagoas e região

Quarteto fraudava documentos e revendia objetos com preço abaixo da tabela de mercado

 
Thais Dias
 
As pessoas que adquiriram os objetos ilícitos serão responsabilizados pelo crime de estelionato (Foto/Assessoria) As pessoas que adquiriram os objetos ilícitos serão responsabilizados pelo crime de estelionato (Foto/Assessoria)

O SIG (Serviços de Investigação Geral), de Três Lagoas prendeu na tarde de ontem (07) uma quadrilha que praticava estelionato em lojas comerciais da cidade.

Segundo informações os jovens falsificavam requisições, adquiriram baterias que eram revendidas a preço bem inferior ao de mercado, além de ferramentas e geradores de energia.

O responsável pela quadrilha confessou que antes de aplicar o golpe ele pesquisava na internet as empresas que seriam o alvo e depois falsificava os documentos. Além do chefe do bando mais três pessoas foram presas.

 
D.A.M, vulgo “BAXIM”, 34 anos, era o responsável por falsificar os documentos das empresas para a compra das mercadorias (Foto/Assessoria) D.A.M, vulgo “BAXIM”, 34 anos, era o responsável por falsificar os documentos das empresas para a compra das mercadorias (Foto/Assessoria)
 
A.M, vulgo “BUDA”, 41 anos, o filho deste, J.H.S.M, 19 anos, ambos proprietários de uma borracharia e um lava jato (Foto/Assessoria) A.M, vulgo “BUDA”, 41 anos, o filho deste, J.H.S.M, 19 anos, ambos proprietários de uma borracharia e um lava jato (Foto/Assessoria)

Dois dos envolvidos ainda são pai e filho, proprietários de uma borracharia localizada no cruzamento da av. Clodoaldo Garcia e Irmãos Cameshi.

Na casa de um dos jovens foram apreendidos apetrechos utilizados para falsificar documentos.

Todo o material apreendido se encontra na sede do SIG onde as investigações continuaram até que todas as vítimas sejam identificadas.

Envie seu Comentário