19/10/2018 22h27

Ladrão deixa bilhete para família após furtar casa: 'Toma cuidado com sua filha linda'

Recado foi escrito no caderno de receitas da mãe, de 30 anos. Crime foi em uma casa de Cacoal.

 
Redação
 
Bilhete foi escrito com lápis de olho, segundo a família — Foto: Arquivo Pessoal

Bilhete foi escrito com lápis de olho, segundo a família — Foto: Arquivo Pessoal

Depois de furtar a casa de uma família, um ladrão usou uma lápis de maquiagem para escrever um bilhete e ameaçar uma adolescente de 12 anos em Cacoal (RO). "Toma cuidado com sua filha linda!!!", diz a mensagem deixada no caderno de receitas da mãe, proprietária do imóvel.

Preferindo não se identificar, a mulher de 30 anos contou ao G1 que saiu de casa cedo para trabalhar na quinta-feira (18) e a filha dela saiu por volta das 12h para ir ao colégio.

Quando as duas retornaram, no fim da tarde, encontraram a porta da casa apenas encostada. Ao entrarem, viram os móveis revirados. No quarto havia um caderno de receitas e nele estava escrito: "toma cuidado com a sua filha linda!!!"

Assustada, a mulher pediu ajuda para a Polícia Militar (PM). No local não foi encontrado sinais de arrombamento, apenas um clipe de metal possivelmente usado para destrancar a porta.

Da casa foram furtados apenas um chip e uma bateria, ambos retirados de um celular que não funcionava. O ladrão ainda não foi identificado e o caso será investigado.

"Fiquei com medo desse bilhete, pois mexer com a filha da gente é pior do que mexer com a gente mesmo. Eu como mãe interpretei o bilhete como uma ameaça à minha filha, como se alguém quisesse fazer algo contra ela", relata.

A mulher afirma não fazer ideia de quem tenha feito a ameaça à garota. Como medida de segurança, a mulher, que cria a filha sozinha, pretende adotar estratégias para que a menina não fique sozinha.

"Nesta sexta-feira (19) não fui trabalhar. Fui levar ela até o ponto de ônibus e em seguida vou buscar. A partir de amanhã vou ver como farei, pois como trabalho não consigo fazer isso todos os dias, mas vou ver alguma colega para me ajudar nesse cuidado. Tenho medo que algo de mal aconteça a ela", admitiu a mãe.

(*) G1

Envie seu Comentário