Este último final de semana foi bastante movimentado na área policial, principalmente ocorrências envolvendo violência doméstica em Três Lagoas.

Segundo dados divulgados nesta segunda-feira (28), pelo 2º Batalhão da Polícia Militar, 21 ocorrências foram registradas no período de 21 a 27 de dezembro, incluindo as que foram atendidas pela Polícia Militar e mulheres (vítimas),que procuraram a Delegacia de Polícia Civil por conta própria.

OCORRÊNCIAS ATENDIDAS PELA PM E PRISÕES EM FLAGRANTE

Ainda conforme as informações, dessas 21 ocorrências, nove foram atendidas pela Polícia Militar diretamente e quatro homens foram presos em flagrante pelo crime.

Os outros 17 acusados responderão o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), ou seja, responderão a violência doméstica em liberdade.

SURTO E AGRESSÕES

Entre as muitas ocorrências registradas, houve uma em que além das agressões, a mulher estava surtada, de acordo com os militares.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais foram acionados via 190 (telefone de emergência da PM), neste domingo (27), por populares relatando de que no Bairro Jardim Cangalha havia um casal discutindo em via pública.

No local, os militares encontraram a vítima, uma mulher surtada e completamente nua. Ela ainda teria sido agredida por seu ex-companheiro com socos no rosto.

Na ocasião, dois homens, sendo um dos autores foram encontrados pelos militares tentando fazer a mulher se vestir.

Questionado sobre os fatos, o ex-companheiro confirmou que existia uma medida protetiva que o proibia de se aproximar da vítima, porém, ele ainda relatou que durante a discussão, acabou sendo agredido pela mulher com uma mordida no peito do lado esquerdo.

HOSPITAL X DELEGACIA

Devido o descontrole da vítima, a Polícia Militar acionou o Corpo de Bombeiros, que a socorreu e a encaminhou ao Hospital Auxiliadora.

Os dois homens que estavam com a mulher foram detidos e encaminhados à Delegacia de Polícia Civil para as providências cabíveis.

Comentários