Roteiro dos policiais também incluiu posto de combustíveis e residências de ex-integrantes da administração

Apesar da chuva que cai na região de Ribas do Rio Pardo, o dia começou quente na cidade. Logo ao nascer do sol uma operação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) cercou a prefeitura de Ribas e foi bater à porta da casa do prefeito Paulo Cesar Lima Silveira, o Paulo Tucura (DEM). As informações são do Campo Grande News, com apoio do Rio Pardo News.

O roteiro da ação também incluiu a casa do vice-prefeito Luiz Dutra, do empresário Rinaldo Nunes, do ex-secretário de Administração, Aníbal Júnior, e do ex-diretor da secretaria de Obras, Paulo Roberto Santana.

As equipes ainda foram ao posto de combustíveis do empresário. Ele já foi preso no episódio da “farra das diárias”. Em novembro de 2014, o Gaeco fez a operação Viajantes contra irregularidades cometidas por vereadores do município.

O Campo Grande News apurou que na operação desta terça-feira não há mandados de prisão. A ação tem apoio do Batalhão de Choque e do Bope (Batalhão de Operações Especiais), ambos da Polícia Militar.

Comentários