27/04/2015 10h05 – Atualizado em 27/04/2015 10h05

A primeira final do Paulistão entre Palmeiras x Santos teve o recorde de arrecadação de uma partida de futebol no Brasil em 2015.

Da Redação

A primeira final do Paulistão entre Palmeiras x Santos teve o recorde de arrecadação de uma partida de futebol no Brasil em 2015. Na vitória palmeirense por 1 x 0, o estádio Allianz Parque recebeu 39 479 pagantes para uma renda de R$ 4.181.281,00, superando a marca obtida pelo São Paulo na última quarta-feira, na vitória sobre o Corinthians por 2 x 0 no Morumbi: R$ 3.529.000,00. O público também foi recorde na história do estádio, inaugurado em novembro de 2014.

Maiores rendas do futebol brasileiro em 2015:

26/4 – Palmeiras 1 x 0 Santos
Paulistão, Allianz Parque – R$ 4.181.281,00

22/4 – São Paulo 2 x 0 Corinthians
Libertadores, Morumbi – R$ 3.529.000,00

18/2 – Corinthians 2 x 0 São Paulo
Libertadores, Arena Corinthians – R$ 3.528.236,00

16/4 – Corinthians 0 x 0 San Lorenzo-ARG
Libertadores, Arena Corinthians – R$ 3.329.516,00

1/4 – Corinthians 4 x 0 Danubio-URU
Libertadores, Arena Corinthians – R$ 3.283.955,00

Essa renda de ontem do Palmeiras é a 11ª maior do futebol brasileiro em jogos de clubes. Até hoje, o recorde é do Atlético-MG, que na final da Libertadores de 2013 conseguiu a impressionante renda de R$ 14.176.146,00.

Com o jogo de ontem, o Palmeiras também conseguiu fechar o Paulistão com o recorde de arrecadação. Em dez jogos como mandante, o Verdão faturou R$ 23.325.941,00, mais de 7 milhões de reais a frente do Corinthians, o segundo que mais arrecadou (R$ 15.698.802,00).

Veja quais foram as dez maiores rendas de clubes do futebol brasileiro:

1º – Atlético-MG 2 x 0 Olimpia-PAR
Fina da Libertadores
Mineirão, 24/7/2013
Renda: R$ 14.176.146,00
Público pagante: 56.557
Média do ingresso: R$ 250,65

2º – Flamengo 2 x 0 Atlético-PR
Final da Copa do Brasil
Maracanã, 27/11/2013
Renda: R$ 9.733.735,00
Público pagante: 59.991
Média do ingresso: R$ 162,25

3º – Cruzeiro 0 x 1 Atlético-MG
Final da Copa do Brasil
Mineirão, 26/11/2014
Renda: R$ 7.855.510
Público pagante: 39.786
Média do ingresso: R$ 197,44

4º – Santos 0 x 0 Flamengo
1ª rodada do Brasileirão (despedida do Neymar)
Mané Garrincha, 26/5/2013
Renda: R$ 6.948.710,00
Público pagante: 63.511
Média do ingresso: R$ 109,40

5º – Atlético-MG 4 x 3 Lanús-ARG
Final da Recopa
Mineirão, 23/7/2014
Renda: R$ 5.732.930,00
Público pagante: 54.511
Média do ingresso: R$ 105,17

6º – Cruzeiro 3 x 0 Grêmio
34ª rodada do Brasileirão
Mineirão, 10/11/2013
Renda: R$ 5.231.711,00
Público pagante: 56.854
Média do ingresso: R$ 92,02

7º – Palmeiras 0 x 2 Sport
35ª rodada do Brasileirão (inauguração do estádio)
Allianz Parque, 20/11/2014
Renda: R$ 4.915.885,00
Público pagante: 35.939
Média do ingresso: R$ 136,78

8º – São Paulo 2 x 1 Internacional
Semifinal da Libertadores
Morumbi, 5/8/2010
Renda: R$ 4.484.282,00
Público pagante: 67.113
Média do ingresso: R$ 66,82

9º – Atlético-MG 2 x 0 Cruzeiro
Final da Copa do Brasil
Independência, 12/11/2014
Renda: R$ 4.741.300,00
Público pagante: 18.578
Média do ingresso: R$ 255,21

10º – Santos 2 x 1 Peñarol-UUR
Final da Libertadores
Pacaembu, 22/6/2011
Renda: R$ 4.266.670,00
Público pagante: 37.894
Média do ingresso: R$ 112,59

11º – Palmeiras 1 x 0 Santos
Final do Paulistão
Allianz Parque, 26/4/2015
Renda: R$ 4.181.281,00
Público pagante: 39.479
Média do ingresso: R$ 105,91

Na vitória palmeirense por 1 x 0, o estádio Allianz Parque recebeu 39 479 pagantes para uma renda de R$ 4.181.281,00. (Foto: Divulgação)

Comentários