08/06/2017 10h51

Petrobras estaria negociando a venda da fábrica de fertilizantes com empresas chinesas

Flávio Veras

Petrobras informou nesta quinta-feira (8), em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que foi revogada pela Justiça uma decisão que determinava que a companhia se abstivesse de negociar ou vender a fábrica de fertilizantes que está em construção em Três Lagoas (MS).

Segundo a estatal, o juiz da 1ª Vara Federal de Três Lagoas decidiu ainda suspender até 11 de setembro a ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal (MPF), que pede a retomada das obras de implantação da unidade e a proibição de venda do ativo.

A Petrobras estaria negociando a venda da fábrica de fertilizantes para um consórcio de empresas chinesas, liderado pela Sinopec.

No mesmo comunicado, a estatal informa que o Pleno do Tribunal Regional Federal da 5ª Região, em decisão de quarta-feira (7), manteve suspensa a liminar que determinava a paralisação da venda da participação de 90% detida pela estatal na Nova Transportadora do Sudeste (NTS).

(Com informações de Valor Econômico)

Companhia estava proibida de negociar ou vender à fabrica. (Foto: Arquivo)

Comentários