11/11/2014 11h18 – Atualizado em 11/11/2014 11h18

Lançada a segunda fase de projeto de qualificação de jovens no MS

Estudantes de 16 a 19 anos da rede pública do município de Três Lagoas serão beneficiados pelo Gerando Futuro, um espaço de fomento ao acesso de jovens a programas governamentais

Assessoria

A Petrobras e a Missão Salesiana lançaram na segunda-feira (10), em Três Lagoas, a segunda fase do Projeto Gerando Futuro, destinado ao desenvolvimento profissional de jovens integrantes da rede pública de ensino municipal, estadual e federal do município. A iniciativa tem como objetivo oferecer aulas gratuitas de educação complementar aos estudantes, associadas a atividades de qualificação voltadas ao mercado de trabalho.

A meta principal do Gerando Futuro é a formação complementar de 720 jovens – em três ciclos de 240 alunos cada – no período de dois anos, atuando na melhoria do coeficiente de rendimento educacional de seus participantes. O projeto constitui um espaço de fomento ao acesso dos jovens a programas governamentais de capacitação profissional, como o Prominp, a cursos universitários e ao mercado de trabalho em geral. A primeira fase da iniciativa, realizada entre 2011 e 2013, beneficiou mais de mil alunos do município.

A segunda fase será voltada a jovens de 16 a 19 anos matriculados na rede pública (municipal, estadual ou federal) de Três Lagoas, cursando entre o 7º ano do Ensino Fundamental e o 3° ano do Ensino Médio – ou com os estudos já concluídos. Estão previstas aulas de português, matemática, raciocínio lógico, informática, esporte, cultura, cidadania, direitos humanos, sustentabilidade, comunicação e expressão, práticas administrativas, práticas da indústria de gás natural e fertilizantes, entre outras. É necessário que os alunos residam na cidade de Três Lagoas.

INSCRIÇÕES

As inscrições para a segunda fase do Gerando Futuro vão de 10 a 14 de novembro, no Centro Juvenil do bairro da Vila Piloto. Entre os benefícios adicionais oferecidos aos jovens contemplados está bolsa auxílio mensal no valor de R$ 120 durante o período do curso, lanche na instituição, material didático e transporte gratuito. As aulas do primeiro ciclo desta segunda fase terão início já no dia 17 deste mês e têm previsão de duração até julho de 2015.

A Petrobras já atua no município de Três Lagoas com a Usina Termelétrica Luís Carlos Prestes e com o projeto da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen-MS), que terá capacidade para produzir anualmente 1,2 milhão de toneladas de ureia, além de 81.000 toneladas de amônia para comercialização.

(*) Com Assessoria de Imprensa da Petrobras em Três Lagoas (MS)

Edição passada do projeto “Gerando Futuro” da Petrobrás que foi realizado no Centro Juvenil Jesus Adolescente de Três Lagoas (Foto: Arquivo/Perfil News)

Comentários