09/05/2013 16h31 – Atualizado em 09/05/2013 16h31

Ampliação da pista para a 2ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross já começou

Pista do Arena Mix começou a ser adequada de acordo com os padrões exigidos pela Federação Internacional de Motociclismo

7even Comunicação & Marketing

Chegou na tarde desta quarta-feira, (08), em Três Lagoas o construtor de pista oficial da CBM – Confederação Brasileira de Motociclismo, Paulo Carameis e mais alguns diretores da instituição. Eles se reuniram na manhã desta quinta-feira, (09), juntamente com a comissão organizadora do evento em Três Lagoas e com as empresas parceiras que emprestaram as máquinas necessárias para a readequação da nova pista do Arena Mix.

Durante a conversa, que aconteceu no local do campeonato, eles discutiram o novo traçado, equipamentos necessários e a quantidade de terra que será utilizada na construção de novos obstáculos. “Nós vamos adequar a pista de acordo com o padrão que é exigido pela FIM – Federação Internacional de Motociclismo. Vamos jogar novos obstáculos que são iguais de pistas internacionais”, finalizou Carameis.

Ainda de acordo com o construtor o nível de dificuldade da pista aumentará. “Os obstáculos serão mais técnicos e exigirá mais experiência dos pilotos. Vamos colocar areia no chão, a pista vai ficar mais complicada”, concluiu o construtor. O trabalho de adequação começa hoje e deve durar cerca de 11 dias.

Os organizadores de Três Lagoas da 2ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross agradeceram a todos que estão contribuindo para a realização do evento. “Queremos agradecer desde já as empresas que estão cedendo as máquinas para a construção do novo traçado, Prefeitura Municipal, Secretaria de Obras, Sejuvel, Construbrás, Cassol e também ao secretário de obras do Estado de Mato Grosso do Sul, Edson Giroto.” finalizou, Ricardo Ojeda.

ARQUIBANCADA

Para o público presente nos dias 25 e 26 de maio serão montadas duas estruturas de arquibancadas com capacidade para 10 mil pessoas. No local também serão disponibilizados banheiros químicos. O camarote para os patrocinadores, autoridades e convidados ficará no meio das duas arquibancadas, com capacidade para 600 pessoas. Toda a estrutura será montada no Arena Mix pela empresa Griffe Brasil Estrutura para Evento, de Campo Grande. Além disso, eles também serão responsáveis por montar a sala de imprensa e sala de cronometragem.

MOTOCROSS EM TRÊS LAGOAS

A competição acontece nos dias 25 e 26 de maio em Três Lagoas. A organização da 2ª Etapa Brasileiro de Motocross é da CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) e realização da FEMEMS (Federação de Motociclismo do Estado do Mato Grosso do Sul). Em Três Lagoas a organização é do promotor de justiça, Antonio Carlos Garcia de Oliveira (Totó) e do jornalista, Ricardo Ojeda, com o apoio da Prefeitura de Três Lagoas, Câmara Municipal, Sejuvel (Secretaria Municipal de Esportes, Juventude e Lazer), Fundesporte e Perfil News. O Campeonato Brasileiro de Motocross 2013 tem o patrocínio da Rinaldi, Honda, Yamaha, X Motos do Brasil, Petrobrás, Lubrax, IMS Race, Peterlongo e Circuit.

A competição receberá cerca de 350 pilotos, sendo 30 vindos de países como: Argentina, Espanha, Portugal, Estados Unidos, Japão, Venezuela e Inglaterra que vão encarar as disputas em cinco categorias: MX1, MX2, MX3, Junior e 65cc. Está sendo esperado para essa etapa um público de mais de 15 mil pessoas. Para atender a demanda será montada uma grande estrutura com praça de alimentação, banheiros, sala de imprensa, posto médico e local para estacionamento dos motors-home.

Os ingressos serão vendidos pelo preço de R$ 5 no domingo e no sábado a entrada é livre. O valor arrecadado com a bilheteria será doado para o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Comissão organizadora, dirigentes da CBM e parceiros se reuniram para últimos detalhes sobre o novo traçado da pista. Foto: Cristiane Vieira

Caminhõe de terra já começam a descarregar nos locais aonde acontecerão as mudanças do traçado. Foto: Ricardo Ojeda

Pista do Arena Mix ganhará novo traçado e obstáculos mais difíceis. Foto: Ricardo Ojeda

Comentários