03/06/2015 09h47 – Atualizado em 03/06/2015 09h47

Os policiais verificaram que a madeira nativa estava sendo armazenada sem autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal)

Assessoria

Policiais Militares Ambientais de Dourados (MS) realizaram vistoria ontem (3) à tarde a uma propriedade rural, localizada no Distrito de Picadinha, no município e apreenderam 18 m³ de lenha armazenada ilegalmente. Os policiais verificaram que a madeira nativa estava sendo armazenada sem autorização ambiental (DOF – Documento de Origem Florestal), que é o documento legal para se ter em depósito ou transportar qualquer produto florestal. O infrator afirmou que retirara a madeira de um desmatamento legalizado, porém, não conseguira a documentação para a posse e transporte.

O material vegetal foi apreendido. A PMA autuou o arrendatário, de 40 anos, residente em Dourados e aplicou multa de R$ 5.400,00. Ele responderá por crime ambiental, com pena prevista de seis a um ano de detenção.

(*) ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA POLÍCIA MILITAR AMBIENTAL – PMMS

 18 m³ de lenha armazenada ilegalmente. (Foto: Assessoria)

O infrator afirmou que retirara a madeira de um desmatamento legalizado, porém, não conseguira a documentação para a posse e transporte. (Foto: Assessoria)

Comentários