04/04/2015 11h51 – Atualizado em 04/04/2015 11h51

No momento da apreensão, os homens não havia pescado nenhum exemplar

Patrícia Miranda e assessoria

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas realizaram fiscalização no rio Verde na tarde de ontem (3), nas proximidades da ponte de concreto, a 80 km da cidade e autuaram dois pescadores de Bauru (SP) por pescar sem licença ambiental. Eles pescavam embarcados e não haviam capturado pescado ainda.

Os policias efetuaram auto de infração administrativo e aplicaram multa no valor de R$ 1.000,00 para cada um. Foram apreendidos dois molinetes com varas. Com estes, são quatro turistas autuados por pescar sem licença na região de Três Lagoas durante a operação Semana Santa.

Durante a fiscalização no rio Verde, a PMA retirou 127 anzóis de galho que estavam armados no rio e soltou dois peixes que estavam presos nos anzóis, os quais pesavam cerca de 10 kg.

A pesca sem licença não é crime ambiental. Trata-se apenas de infração administrativa. Pagando a multa, os infratores poderão ter o material apreendido restituído.

(*) Assessoria de Imprensa da PMA

Comentários