01/03/2012 09h17 – Atualizado em 01/03/2012 09h17

Assessoria de Comunicação

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande (MS) autuaram ontem um homem que criava um filhote de jacaré, sem autorização ambiental. Os policiais foram à residência do infrator, localizada no bairro Moreninha III, na Capital e constataram a existência de um filhote de jacaré que era criado em uma caixa d’água, nos fundos da residência.

Os Policiais Militares Ambientais apreenderam o réptil e conduziram o infrator à delegacia de polícia civil de Meio Ambiente – DECAT, para que o proprietário do jacaré fosse responsabilizado pelo crime ambiental de manter animal silvestre ilegalmente em cativeiro. Se condenado, ele poderá pegar pena de 06 meses a 01 ano de detenção.

O autuado também recebeu multa administrativa de R$500,00. O jacaré foi encaminhado ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres-CRAS, na Capital.

PMA autua homem que criava jacaré como animal de estimação
Foto: Assessoria de Comunicação

Comentários