22/04/2016 08h49 – Atualizado em 22/04/2016 08h49

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas e militares do Corpo de Bombeiros efetuaram durante todo o dia de ontem (19) a captura de dois animais silvestres da espécie anta, que apareceram no pátio da empresa de papel e celulose Fibria. No momento da captura houve a necessidade de uma embarcação, pois as antas adentraram à lagoa de tratamento de efluentes

Assessoria

Policiais Militares Ambientais de Três Lagoas e militares do Corpo de Bombeiros efetuaram durante todo o dia de ontem (19) a captura de dois animais silvestres da espécie anta, que apareceram no pátio da empresa de papel e celulose Fibria. No momento da captura houve a necessidade de uma embarcação, pois as antas adentraram à lagoa de tratamento de efluentes

As antas (Tapirus terrestris) deram bastante trabalho para serem capturadas. Um macho adulto foi capturado e foi avaliado por veterinários e, como se apresentava em bom estado de saúde, foi solto no seu habitat, em uma floresta nas proximidades da cidade. O segundo animal, uma fêmea, que só fora capturada no final da tarde de ontem estava com ferimentos nos olhos e foi encaminhada hoje pela manhã para atendimento no Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS) da Capital.

(*) Assessoria de Comunicação da Polícia Militar Ambiental – PMMS

PMA e Bombeiros capturam duas antas dentro de estação de tratamento de efluentes de empresa de celulose. (Foto: Assessoria)

Comentários