21/10/2015 07h54 – Atualizado em 21/10/2015 07h54

A Polícias Militar Ambiental de Bataguassu recebeu ontem pela manhã da Procuradoria e da Justiça Federal do Trabalho, em preparação à operação piracema

Assessoria

A Polícias Militar Ambiental de Bataguassu recebeu ontem pela manhã, uma lancha de duralumínio 19 pés, marca Fluvimar, modelo Cherokee, ano 2015 acoplada com um motor 115 HPs, marca Yamaha, um barco profissional, de 5,90 metros de comprimento, fluvimar, modelo boto e duas carretas semi-reboques de embarcação no valor total de r$ 90.000,00. Os recursos foram repassados pelo Ministério Público Federal do Trabalho e pela Justiça do Trabalho ao Conselho de Segurança do município de Bataguassu para a aquisição do material, resultante de acordos judiciais na Justiça do Trabalho.

Estiveram ontem pela manhã para fazer a entrega dos materiais ao Capitão Rosseto, Comandante do 5º Pelotão da Polícia Militar Ambiental de Bataguassu, o Juiz do Trabalho de Bataguassu, Dr Antonio Arraes Branco Avelino, juntamente com os Procuradores Federais do Trabalho da Procuradoria de Três Lagoas, Dr. Paulo Roberto Aseredo e o Dr. Gustavo Domingues.

A Polícia Militar Ambiental tem realizado diversos trabalhos em parceria com o Ministério Público Federal do Trabalho em todo o Estado. O material será fundamental para incremento da fiscalização, especialmente neste período crítico de piracema, que se iniciará no dia 5 do próximo mês. A região de competência de fiscalização do pelotão de Bataguassu envolve centenas de quilômetros de rios piscosos, como Paraná, Pardo, Anhanduí, Taquarussu, entre outros, bem como grandes extensões de lagos de Usinas Hidrelétricas, como o lago da Usina Sérgio Motta.

(*) Assessoria Policia Militar Ambiental

Material será fundamental para incremento da fiscalização (Foto:Assessoria)

Comentários