18/03/2019 08h20

Animal, que vive em grupos e em ambientes semiaquáticos, dificilmente é encontrado em perímetro urbano

Gisele Berto

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande capturaram no sábado (16) uma ariranha que havia entrado no quintal de uma residência no Jardim aeroporto.

A PMA foi ao local e com uso de puçás efetuou a captura da ariranha e a colocou em uma caixa de contenção. A ariranha foi encaminhada ao Centro de Animais Silvestres (CRAS), em Campo Grande.

Apesar de a residência ser em um bairro localizado nas proximidades da área rural da EMBRAPA, os Policiais estranharam a presença do bicho no perímetro urbano, tendo em vista ser uma espécie que vive em grupos e extremamente arisco. Além disso, o habitat da espécie é semiaquático.

Comentários