25/05/2015 12h08 – Atualizado em 25/05/2015 12h08

O cantor de pagode foi preso na residência de Julio Gonçalves, no momento em que estavam pesando entorpecentes

Fábio Jorge

Após seis meses de investigações, policiais do SIG (Setor de Investigação Geral) conseguiram prender duas pessoas associadas ao tráfico de drogas, em Paranaíba – MS. Conforme nota da Polícia Civil, várias denúncias apontavam um esquema de venda de entorpecente no bairro Jardim América, tendo como autor, um conhecido cantor de pagode da cidade.

Na noite da última sexta-feira (22), os policiais em cumprimento ao mandado de busca e apreensão, monitaram Marcus Vinicius Fernandes dos Santos (21), conhecido como Marquinhos Pagodeiro. O jovem saía de sua residência e foi até o bairro Santo Antonio, onde entrou em uma casa, denunciada como boca de fumo.

Diante das evidências, a Operação “Hoje não vai ter pagode” foi deflagrada e no imóvel, os investigadores prenderam “Marquinhos Pagodeiro” e Julio Gonçalves dos Santos (36), com 5,3 quilos de entorpecente. Os acusados foram encaminhados à Delegacia para as devidas providências.

Cantor de pagode era conhecido em Paranaíba e região, e acabou sendo preso por tráfico. (foto: Divulgação)

Julio Gonçalves dos Santos (36), também foi preso pelo SIG. (foto: Divulgação)

Comentários