09/09/2014 10h28 – Atualizado em 09/09/2014 10h28

Polícia continua buscas pelo bando que assaltou fazenda em Costa Rica

O bando, composto por dez homens, trocou tiros com policiais de MS e GO, durante a fuga; os bandidos renderam cerca de 30 pessoas na fazenda, ameaçando a todos, inclusive crianças

Léo Lima

O delegado Cleverson Alves dos Santos está neste momento dando sequência às diligências em busca dos assaltantes que atacaram, no domingo (07) à noite, uma fazenda na região de Costa Rica, de onde pretendiam roubar defensivos agrícolas.

Segundo informações de fontes da Delegacia de Polícia local, o delegado, após avaliar novos indícios da rota de fuga do bando (formado por pelo menos dez homens), está à caça dos assaltantes. No entanto, a fonte não revelou para onde a autoridade policial se dirigiu. “Só sei que ele [delegado Cleverson] está investigando um assalto a uma fazenda”, resumiu a fonte.

O ATAQUE

Por volta das 22 horas de domingo, uma fazenda (produtora de algodão) em Costa Rica foi invadida por um grupo de pelo menos dez homens e rendeu os funcionários da propriedade e seus familiares. Na fazenda estavam cerca de 30 pessoas, entre homens, mulheres e crianças.

Segundo informações da Polícia local, os assaltantes mandaram que os funcionários colocassem uma carga de defensivos agrícolas, avaliada em R$ 500 mil, em uma caminhonete e em um caminhão. Na fuga, eles abandonaram os defensivos e fugiram levando uma caminhonete da propriedade.

Os assaltantes chegaram na propriedade em uma caminhonete e em um caminhão. Conforme as testemunhas, eles por diversas vezes ameaçaram as vítimas, inclusive a crianças que estavam no local. Enquanto os homens eram obrigados a colocar os defensivos agrícolas nos veículos, um dos funcionários conseguiu acionar a polícia.

TIROTEIO

De acordo com informações, policiais civis e militares se deslocaram até a fazenda e foram recebidos a tiros. Os criminosos fugiram em uma caminhonete Hilux da propriedade e abandonaram a caminhonete S10 com a qual chegaram à fazenda e também o caminhão, que transportaria as mercadorias roubadas.

Na perseguição ao bando, os policiais descobriram que outras duas caminhonetes davam suporte à fuga que alcançou o município de Chapadão do Céu, em território goiano. Nesse momento nova troca de tiros ocorreu, com o bando conseguindo escapar depois de entrarem em canavial. A suspeita da polícia é que os assaltantes não sejam de Mato Grosso do Sul.

Policiais de Costa Rica preparam viatura para seguir diligências na caça ao bando que assaltou a fazenda no domingo (Foto: Aporé em Foco)

Os assaltantes tentaram roubar R$ 500 mil em defensivos agrícolas, segundo a PC de Costa Rica (Foto: Correio do Estado)

A caminhonete S10 usada na invasão à fazenda foi abandonada pelo bando, que escapou numa Hilux da propriedade (Foto: Costa Rica News)

Comentários