18/04/2019 09h18

Pelo menos três vítimas registraram BO e a polícia suspeita que haja outras moça que tenham sofrido assédio

Gisele Berto

Polícia Civil prende autor de importunação sexual

A Polícia Civil de Brasilândia prendeu, na madrugada de hoje,, 18, R.R.F., 35 anos, acusado de uma série de assédios contra adolescentes nos últimos dias na cidade.

A Polícia Civil registrou ao menos três boletins de ocorrência na última semana sobre fatos semelhantes: um homem branco, alto e forte que abordava meninas na rua ou em locais públicos e as beijava à força.

O homem chegou a agarrar uma das vítimas pelos cabelos e só parou a agressão ao ser surpreendido por uma testemunha. Diante dos fatos, a Polícia Civil pediu a prisão preventiva do suspeito, cujo mandado foi expedido na noite de ontem e cumprido nesta madrugada.

As vítimas são mulheres e têm idade entre 12 e 22 anos. A Polícia Civil acredita que existam outras vítimas, com base nos relatos das vítimas já ouvidas na Delegacia. Em entrevista preliminar o preso mencionou abordagens que indicam a existência de vítimas até então desconhecidas da Polícia.

A Polícia Civil pede que as vítimas que sofreram abordagem semelhante em Brasilândia e também nas cidades de Bataguassu e Presidente Epitácio-SP, locais onde o suspeito frequentava, que procurem a Polícia Civil para registro do fato.

Denúncias referentes ao criminoso podem ser fornecidas pelo Disque Denúncia da Polícia Civil de Brasilândia, que funciona também via WhatsApp. O anonimato é garantido. O telefone para denúncias é (67 999879169).

Segundo informe da Polícia, “é importante a identificação do número de vítimas e de todas as ações do agressor para que passamos mensurar a gravidade dos crimes e traçar o perfil do criminoso, viabilizando a repressão aos crimes cometidos e prevenção de novos delitos dessa natureza”.

Foto: Arquivo

Comentários